Categorias | Enciclopédia, Fondue

Tags |

A História da Fondue

Publicado a 12 Abril 2012 por Carla Rocha

Fondue

A fondue é originária da Suíça, e foi inventada durante os frios Invernos alpinos, quando as montanhas e os vales ficavam cobertos pela neve e as pequenas vilas isoladas, quando então, o abastecimento de alimento fresco não era possível. Daí os produtos mais comuns serem o queijo, o pão e o vinho.

A palavra fondue é de origem francesa “fondre” que significa derreter. Por esse motivo é que o queijo que se utiliza tem de ser de fácil digestão.

A tradicional receita de fondue suíço tem o nome da região onde foi criado Neuchâtel e usa os queijos gruyère e emmental. Outras regiões da Suíça usam os seus próprios queijos e vinhos. Ingredientes como o presunto, os ovos e os tomates eram também adicionados, foi assim como a fondue se espalhou pelos países vizinhos possibilitando outras variações.

Por volta do final do século XVII, a fondue chegou à França e segundo Brillat-Savarin esta era sua receita: “Estabeleça o número de ovos que for empregar de acordo com o número presumido dos comensais. A seguir tome pedaços de queijo gruyère que pese um terço dos ovos, e uma porção de manteiga que pese a sexta parte desse peso. Parta e bata bem os ovos numa caçarola, juntando depois a manteiga e o queijo ralado ou cortado em fatias finas. Leve a caçarola a lume forte, e vire a mistura com uma espátula até que esteja convenientemente espessa e macia, acrescente um pouco de sal, conforme o queijo for mais ou menos velho e uma boa pitada de pimenta, que é um dos ingredientes essenciais dessa antiga preparação. Sirva num prato levemente aquecido, providencie o melhor vinho para beber enquanto come, e verá maravilhas.

 






http://www.paparoka.com/a-historia-da-fondue/

Deixe o seu comentário