Arquivo de Etiquetas | "Borrego"

Borrego/Cabrito Assado no Forno

Tags: , ,

Borrego/Cabrito Assado no Forno

Publicado a 22 Abril 2014 por Carla Rocha


Continuar a leitura…

Comentários (0)

Almoço de Páscoa

Tags: , , , ,

Almoço de Páscoa

Publicado a 20 Abril 2014 por Carla Rocha

Este ano a Páscoa, ao contrário do habitual, foi passada no Norte do País.

Com o almoço por minha conta, há algum tempo que comecei a ‘desenhar’ a ementa. Estive indecisa entre cabrito ou borrego, mas decidi-me pelo borrego. A ementa foi então: Borrego assado no forno com Batatinhas, Arroz de Forno e Esparregado.

Como o borrego, tal como o cabrito, tem um sabor característico, é necessário temperá-lo de véspera. Assim fiz ontem.

Comecei por lavá-lo muito bem e cortá-lo em pedaços.

 Borrego1

De seguida temperei-o com sal, salsa, alecrim, louro, alhos e cebola.

Borrego2

Por último adicionei vinho branco o suficiente para o cobrir.

Borrego

Ficou a descansar na marinada até hoje de manhã.

O despertar foi cedo, pois gosto de fazer o borrego lentamente.

Comecei por ligar o forno a 180ºC. De seguida preparei o tabuleiro de forno, onde fiz uma generosa cama de cebola, juntei um molho pequeno de salsa, algumas folhas de louro e pimentão doce (colorau).

Borrego

O borrego foi escorrido da marinada e acomodado sobre a cama de cebola.

borrego5

De seguida adicionei um pouco da marinada.

Borrego

Entrou no forno bem cedo…

Borrego6

Entretanto foram descascadas batatas para assar e foram levadas ao forno, num tabuleiro de barro mais pequeno e tapadas com papel alumínio.

Foram temperadas com sal fino, colorau e um pouco de azeite.

O tabuleiro ficou sob uma grelha colocada alguns andares sobre a carne.

Batatas

As batatas estiveram bastante tempo no forno, primeiro sozinhas no tabuleiro de barro e depois quando já se conseguiam espetar, juntaram-se à carne.

O esparregado também não pode faltar. Usei 2 molhos grandes deles. Primeiro houve que separar os talos maiores.

Espinafres

Depois ficaram de molho em água fria durante algum tempo.

Outro acompanhamento indispensável, foi o Arroz de Forno, nada mais do que um arroz feito com uma calda de borrego e açafrão que cozeu inteiramente no forno.

Para começar, deitei num tacho cebola, alhos, louro, salsa, alecrim e azeite. Levei a lume baixo para que as ervas largassem um pouco do seu aroma.

Ervas

Quando começou a ferver, retirei o alecrim e juntei um pedaço de bacon e duas peças de borrego (usei a parte final das pernas).

Arroz

Deixei a carne entalar um pouco e em seguida, adicionei uma quantidade generosa de açafrão.

Açafrão

O passo seguinte foi envolver bem, juntar água, temperar com sal e deixar a calda apurar sob lume brando.

Calda (2)

Como preparei cedo, a calda teve tempo de descansar.

Voltando aos espinafres… ainda bem que fiz os dois molhos deles, pois o resultado final fica bastante reduzido.

A primeira fase para a confecção dos espinafres é a cozedura dos mesmo em água e sal.

Espinafres (2)

De seguida escorre-se muito bem, apertando de forma a largar a maior parte da água.

Aqui pode-se ver o que reduziram em volume!!

Espinafres (3)

Leva-se um tacho ao lume com alhos picadinhos e azeite. Deixa-se estalar um pouco.

Alhos

Junta-se os espinafres escorridos…

21

e envolve-se bem na gordura.

25

Eu também gosto deles assim, contudo para a criançada comer, sob a forma de esparregado ‘assusta’ menos.

De seguida passei a varinha mágica, de forma a obter um puré.

27

Adiciona-se a farinha, envolvendo.

23

E por fim o leite. Mexe-se regularmente de forma a não formar grumos.

17

Eu optei por passar novamente a varinha mágica no final, pois assim obtive um esparregado mais macio.

Por esta altura já tinha juntado as batatas com o borrego.

Foi altura de preparar o arroz. Primeiro separei a carne dos ossos que cozeram e também cortei o bacon em pedaços. Juntei à calda.

32

A calda foi novamente ao lume para ferver e juntei a quantidade de arroz desejada.

Muito embora o arroz coza inteiramente no forno, como faço as medidas a olho, guio-me pelo tacho, pelo que preparo tudo no tacho e depois passo para o tabuleiro de barro.

15

A passar para o tabuleiro.

30

O tabuleiro do arroz pronto a entrar no forno.

26

Devo de ter usado cerca de 800g de arroz. Depois de entrar no forno, já não se mexe até estar pronto.

O tabuleiro ficou por cima do borrego, no lugar onde estavam anteriormente as batatas.

13

O processo de cozedura do arroz de forno é engraçado, a água vai evaporando e o arroz crescendo!

Aqui está à saída do forno. O sabor do arroz de forno é totalmente diferente, tem um sabor muito ‘rústico’, muito saboroso muito.

Depois de sair do forno, há que deixar repousar algum tempo, pois o que restar de caldo, irá evaporar e dar lugar a um arroz bem solto.

Arroz forno

Por fim o borrego e as batatas também já assados.

Borrego

Na hora de servir estava tudo delicioso!!

Prato

A receita do Esparregado está aqui!
A receita da Carne está aqui!

Comentários (0)

Borrego de Leite Assado

Tags:

Borrego de Leite Assado

Publicado a 25 Junho 2012 por Carla Rocha


Continuar a leitura…

Comentários (0)

Borrego Assado com Marmelos

Tags:

Borrego Assado com Marmelos

Publicado a 20 Março 2005 por Carla Rocha


Continuar a leitura…

Comentários (0)